terça-feira, 30 de novembro de 2010

Sentimento

Hoje, tive aulas só de manhã e tenho a tarde toda para estar na net e também estudar um pouco xD.

Digo-vos, desde já, que não estou "apaixonada" nem nada que se pareça, mas quando toca à escrita de poemas, digamos que, solto o meu lado sentimental.

Assim sendo, posto um poema que acabei de escrever - (não está nada de especial, pois hoje não estou com muita inspiração com as palavras, apesar da minha vontade de escrever o poema):

Sentimento

Nasceu lento e desfigurado,
Tomou forma – és tu!
Mas meu tacto não te alcança,
Meus ouvidos não te ouvem,
Só meus olhos se iludem,
Quando te vejo, numa
Imagem de esperança.

Sentada, miro a chuva a cair,
O pensamento dá-lhe forma,
Levanto-me…não és tu!
Só o mundo que está a rir.

Roubas-me a concentração,
Como um ladrão com álibi,
Os teus olhos de clarão,
Tornam-me presa a ti.

O teu olhar atinge-me
Como flechas,
No entanto, permanece
Inaudito e confuso.
A tua expressão
É incompreensível.
O que queres de mim?
Diz-me!
Diz-me num tom audível.

O sentido da minha vida,
É agora compreender-te.
Tudo o que queria,
Era poder ler a tua mente.

O que me fazes?
Não consigo explicar.
Tiras-me a fala…

Este poema não posso acabar!

 Como podem ver, e apesar deste poema não estar muito bom, eu gosto de poesia. E tu, gostas?

6 comentários:

  1. Bem, podia estar melhor, mas não está mau. Só disse isso porque já fiz melhores xD - mas ainda bem que gostaste!

    ResponderEliminar
  2. ADOREI! Esta lindo !
    Quero ver mais poemas!!! :)

    ResponderEliminar
  3. está simplesmente liiiiindoooo! adorei!

    ResponderEliminar
  4. Faço o mesmo. Quando vou escrever acabo sendo sentimental. Gostei do poema e parabéns pelo blog.
    Beijos.

    Ah, depois me faça uma visita: http://vasculhandominhaalma.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. Sempre que nos pomos a escrever poemas acabamos levando para o lado sentimental às vezes sem mesmo perceber. Gostei do seu blog, estou te seguindo. Parabéns Beijoos!

    ResponderEliminar